Ministro da Educação fala sobre ideologia de gênero e Escola sem Partido

Spread the love

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) faz nesta terça-feira (26), às 11h30, uma audiência pública com o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez. Convidado para apresentar as diretrizes e programas prioritários da pasta durante o governo de Jair Bolsonaro, Vélez Rodríguez deve apresentar sua visão sobre a educação. Também deve falar, entre outros temas, sobre o programa Escola Sem Partido, defendido por Bolsonaro durante a campanha eleitoral.
Ao tomar posse no cargo em janeiro, o ministro afirmou que combaterá a “ideologia de gênero” e o“marxismo cultural” e não permitirá que “pautas nocivas” aos costumes sejam impostas ao país.
— É preciso combater o que se denominou de ideologia de gênero, com a destruição de valores culturais, da família, da igreja, da própria educação e da vida social — defendeu.

Ensino integral

O senador Confúcio Moura (MDB-RO) quer saber a avaliação do ministro sobre educação integral e como colocará em prática o Plano Nacional de Educação (PNE). O plano fixa diretrizes, metas e estratégias para a política educacional no período de 2014 a 2024, como meio legal de melhorar a qualidade do ensino.
— Pretendemos questionar sobre o que o ministro entende como educação integral e sobre o PNE. Vamos ouvir quais são os planos daqui para a frente, nesses quatro anos de governo, que é tempo suficiente para se fazer um bom trabalho, desde que se tenha um plano — apontou o senador em pronunciamento na semana passada.
Convidado a falar aos senadores pelo presidente da CE, Dário Berger (MDB-SC), Vélez Rodriguez também deve tratar de outros temas, como a medida provisória que trata da educação domiciliar. A proposta, que é uma das metas dos 100 primeiros dias do governo de Jair Bolsonaro, está em fase de elaboração pelo Ministério da Educação em conjunto com o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Fonte: Agência Senado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *